Skip to content

CONFISSÃO, MÃO ESTENDIDA EM DIREÇÃO À CONVERSÃO

12 de setembro de 2011

Prelado do “Opus Dei” fala sobre seu último livro

ROMA, segunda-feira, 12 de setembro de 2011 (ZENIT.org) – A confissão é uma “mão estendida” em direção à conversão, e a Eucaristia é o selo da “amizade inigualável” com Jesus. Este foi o centro da entrevista que Dom Javier Echevarría, prelado do Opus Dei, concedeu a ZENIT.

Sobre o mistério da Eucaristia, Dom Echavarría publicou o livro “Vivir la Santa Misa” (“Viver a Santa Missa”), da Editora Ares.

ZENIT: Por que a Eucaristia é “o centro e a raiz da vida de todo cristão”?

Dom Echevarría: Colocar a Eucaristia no centro da vida cristã significa colocar Jesus no coração de tudo. Na Eucaristia, estamos chamados a entrar no amor trinitário. Fazendo da Santa Missa o centro da nossa vida interior, nós nos unimos a Jesus e, n’Ele, a toda a Igreja, a todos os homens.

Este era o contínuo ensinamento de São Josemaría Escrivá, fundador do Opus Dei, que dizia: “Se no centro dos seus pensamentos e das suas esperanças está o tabernáculo, como serão abundantes, meu filho, os frutos de santidade e de apostolado!”. Jesus Eucarístico é o cume do dom de Si à humanidade; portanto, se nos identificamos com Ele, nos transmitirá a mesma vontade de incrementar o dom de nós mesmos e nosso serviço aos outros.

ZENIT: Qual é a importância, no carisma do Opus Dei, da prática da Confissão e da Eucaristia?

Dom Echevarría: No espírito do Opus Dei, os sacramentos da Penitência e da Eucaristia têm a importância que têm para a Igreja: como todos os cristãos, tentamos ser pessoas penitentes e eucarísticas, com uma prática frequente da Confissão e a participação diária na Santa Missa.

O sacramento da Reconciliação está profundamente ligado à Eucaristia. A Confissão pressupõe a consciência de ser pecadores, com fé na misericórdia divina. Jesus nos purifica em seu sangue derramado na Cruz por nós, para que o cristão possa participar com mais fidelidade do sacrifício do Calvário, que se faz presente cada dia na Santa Missa.

Ambos os sacramentos culminam a alma de alegria e paz, como com o bom ladrão que, vendo Jesus no Calvário, sentiu-se impelido a reconhecer seus pecados, movido pela contrição e, assim, encontrou a salvação eterna.

Insisto: a Confissão é muito importante na vida do cristão, porque é um sacramento de alegria e é a porta de acesso à paz e à felicidade que estão dentro da Eucaristia.

ZENIT: Está sendo realizado o Congresso Eucarístico Nacional. Que sugestões o senhor daria para que as práticas da Confissão e da comunhão fossem mais intensas e generalizadas?

Dom Echevarría: A Igreja ensina, desde sempre, que no tabernáculo se encontra a fortaleza, o refúgio mais seguro contra os temores e as inquietudes. Não basta que cada um de nós, individualmente, busque e encontre o Senhor na Eucaristia: devemos conseguir “contagiar”, com o nosso testemunho, o máximo possível de pessoas, para que também elas contemplem e descubram esta amizade inigualável.

A comunhão espiritual é uma grande ajuda na preparação para a comunhão eucarística. Para ser homens e mulheres conscientes da nossa filiação divina, devemos frequentar Cristo cada vez mais, recebendo-O, se pudermos, todos os dias.

Quanto à Penitência, considero que é muito importante a disponibilidade generosa dos sacerdotes para a escuta das confissões: um confessor disponível, um confessionário “com a luz verde” são uma mão estendida em direção à conversão.

Sobre este ponto, Bento XVI nos sugeriu recentemente “seguir o exemplo dos grandes santos da história, de São João Maria Vianney a São João Bosco,de São Josemaría Escrivá a São Pio de Pietrelcina, de São José Cafasso a São Leopoldo Mandic”(Discurso aos participantes do curso organizado pela Penitenciaria Apostólica, 2011).

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: