Skip to content

Pêsames do Papa Bento após tragédia no Congo e acidente de trem na Polônia

7 de março de 2012

Vaticano, 07 Mar. 12 / 08:59 am (ACI)

O Papa Bento XVI enviou dois telegramas de condolências depois de uma série de explosões em um depósito de armas em Brazaville no Congo, que custaram a vidade mais de 200 pessoas e deixou outras 1500 feridas; e depois de um acidente ferroviário na Polônia no qual faleceram 16 pessoas e outras ficaram feridas.

O telegrama do primeiro caso, assinado pelo Cardeal Tarcisio Bertone, Secretário de estado do Vaticano, e enviado ao Arcebispo Louis Portella-Mbuyu, Presidente da Conferência Episcopal do Congo, qualifica os fatos como uma “trágica catástrofe”.

As explosões de ontem derrubaram edifícios, mataram a centenas de pessoas – alguns falam de 300 falecidos em vez de 200– e deixaram soterradas muitas outras sob os escombros.

Peritos ainda trabalham para controlar o perigo de mais explosões, que devastaram tudo o que havia em um raio cinco quilômetros em torno do arsenal.

“Por enquanto há peritos russos, franceses e congoleses no terreno que estão tratando de apagar as chamas. Seu objetivo é impedir que o fogo alcance um segundo depósito com armas ainda mais pesadas”, informou Delphin Kibakidi, porta-voz local da Cruz Vermelha.
É provável que o número de falecidos aumente à medida que sejam retiradas as pessoas que ficaram soterradas.

Diante destes fatos, o Santo Padre expressa seus pêsames às famílias e amigos das vítimas, e pede ao Senhor que acolha os falecidos em sua paz e sua luz. O Papa agradece os trabalhos de resgate e pede a Deus que dê “consolo e esperança” aos feridos e a todos os afetados por este dramático fato.

Polônia

O Papa também enviou um telegrama, assinado pelo Cardeal Bertone, ao Arcebispo Józef Michalik, presidente da Conferência Episcopal Polonesa, pelas vítimas do acidente ferroviário que teve lugar no sábado 3 de março em Szczekociny, perto de Zawiercie (Polônia) e que deixou 16 mortos e numerosos feridos.

No texto, o Santo Padre manifesta seu pesar pelo fato e sua proximidade espiritual a todos os afetados. Bento XVI assegura suasorações pelas vítimas do trágico acidente e participa do luto de suas famílias e de toda a Polônia.

O Papa Bento implora para os defuntos a misericórdia divina e a vida eterna, e deseja para os feridos que se restabeleçam com prontidão.

Do mesmo modo, pede o dom do valor e da paz na dor para quantos sofrem, e os conforta com as palavras de São Paulo aos Tessalonicenses: “Porque se acreditarem que Jesus morreu e ressuscitou, de igual maneira também Deus, por meio do Jesus, reunirá com Ele os que morreram”.

Anúncios
Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: